sábado, 28 de janeiro de 2012

Um marco... muitos alicerces.

>
Ontem, dia 27 de janeiro de 2012, Mariza Freitas, então ainda mestranda da Faculdade de Administração e Finanças da UERJ, submetia o seu trabalho final à avaliação da Banca Examinadora. Estava tranquila e nos deu uma aula irrepreensível sobre o estado da arte da questão do reconhecimento contábil do valor de marcas comerciais. Exatos 25 minutos.

Mas quem estava sob exame era este escriba - na sua primeira orientação em uma pós-graduação stricto sensu.

Escolhido pela brilhante aluna do Mestrado em Ciências Contábeis, restou-me apenas juntar certas peças advindas de outras matérias que circunscrevem o tema - notadamente o Marketing -, cuja disciplina de fundamentos ministro na FAF há três anos. Contabilidade e Marketing se unem em minha vida profissional desde o seu início, no Rio, em 1977.

Tendo a sorte de encontrar professores excepcionais, nas escolas e nas empresas por que passei, tais como Walter da Silva Mesquita (1978), Cícero Alencar (1980), Abel Magalhães (1981), Manoel Maria de Vasconcellos (1981) e Luiz Estevam Lopes Gonçalves (desde 1990 - até hoje), dou testemunho de que a tal interdisciplinaridade é possível e em muito contribui para a abordagem de problemas complexos.

Herança é isto - algo que se deve passar adiante.

Diferentemente do que fazem alguns, que esquecem de onde vieram, com quem aprenderam e por que fizeram as suas escolhas, quero homenagear - sempre - aqueles que me antecederam. Enfrentando desafios, ocupando cargos, lecionando disciplinas para turmas muitas vezes avessas a ouvi-los. Destaco, não concluindo a lista, mas nomeando-os em memória, Arthur Tavares Machado, ex-IPCS; e Renato Carneiro, ex-FAF.

E sou muito grato ao Prof. Josir Simeone Gomes por estar no PPGCC/FAF/UERJ já há dois anos, ministrando a disciplina eletiva Comunicação Organizacional.
>

Nenhum comentário:

Postar um comentário